Carregando, por favor aguarde
Cadastre-se e receba novidades
Assunto

Caminhoneiro

Dicas para não ter problemas na balança

Dicas para não ter problemas na balança

A Lei da Balança preocupou muitos motoristas, mas o que falta, na maior parte dos casos, é conhecimento sobre a resolução que nasceu para ajudar nessa hora tão temida.

Confira uma rápida explicação e algumas dicas para não ter problema com a decisão que manteve inalterado os limites de peso por eixo e por conjunto de eixos.

Balança em foco

É muito importante que você tenha conhecimento sobre a carga que está transportando. A Lei da Balança, por exemplo, só é aplicada às cargas divisíveis, ou seja, as que possibilitam fração em diversos veículos.

É preciso garantir a segurança da carga, do caminhoneiro e dos outros motoristas! Invista em lonas de qualidade comprado com segurança na Loja Sansuy, clicando aqui.

Outros aspectos importantes de se conhecer são os limites de pesos e dimensões. Se você conhece seu caminhão, saberá o quanto pode carregá-lo em cada eixo. A má distribuição pode fazer com que o eixo danifique o solo, por exemplo. Os pneus também sofrerão, bem como os rolamentos e o poder de frenagem.

Confirme quatro quesitos básicos

  • O certificado da balança de aferição no local;
  • Se sua carga for líquida, a balança para pesagem deve ser dinâmica;
  • O embarcador pode ser o responsável pela infração;
  • Denuncie ao Instituto de Pesos e Medidas (IPEM), caso tenha ficado com dúvidas sobre o resultado da pesagem e sobre a aferição da balança.

Tolerâncias existem

Se sua carga for difícil de encaixar no eixo, não se preocupe, existem as tolerâncias também.

  • 12,5% para transbordo ou remanejamento da carga;
  • 5% na verificação do Peso Bruto Total (PBT) ou Peso Bruto Total Combinado (PBTC);
  • 7,5% na verificação do peso por eixo, de acordo com o limite legal;
  • 10% de verificação do peso por eixo.

Confira também nossa lista com as melhores estradas do Brasil clicando aqui.

Powered by Rock Convert
Powered by Rock Convert