Carregando, por favor aguarde
Cadastre-se e receba novidades
Assunto

Mercado

Piscicultura: Como transformar o seu quintal em um negócio lucrativo

Então você deu a corte de encontrar uma casa com quintal e agora decidiu lucrar um pouco mais utilizando a piscicultura? Fez uma ótima escolha!

Quando começar a estudar mais sobre o assunto, verá que realmente pode ser um negócio muito lucrativo, mesmo que feito em pequena escala.

E se engana quem acha que o investimento inicial é enorme. Não há dúvidas de que a mão de obra será necessária e que alguns equipamentos específicos precisam ser comprados, mas nada que o retorno sobre o investimento não compense.

Para falar a verdade, eu acho que o seu investimento deverá ser maior no conhecimento sobre peixes e no seu mercado do que nos equipamentos, afinal, você precisa saber o que as pessoas procuram, não é?

Alguns fatores devem ser considerados na hora em que se escolhe ter/criar uma piscicultura e é são eles que você conhecerá agora!

Tipos de piscicultura

Tipos de piscicultura

Existem dois tipos de criação de peixes e dentro desses dois tipos, estão os tipos de animais que serão criados.

Não entendeu?

Dois tipos de criação de peixe: Piscicultura extensiva e intensiva.

A extensiva é feita em grandes áreas e depois os peixes são selecionados e recolhidos. Esse método também é o mais natural por causa das lagoas (eles acabam ficando em um ambiente mais natural).

A intensiva é onde acontece um monte de processo para aumentar a quantidade de peixes e todos eles vivem em um pequeno tanque (comparado as grandes lagoas).

E você escolhe, por meio do tamanho da sua área e da exigência do mercado, qual o tipo de animal que será criado ali:

– Salmão;
– Tilápia;
– Camarão;
– Peixes ornamentais;
– Caranguejo.
– Peixe-gato;
– Carpa.

Então, por exemplo, se você tiver uma área pequena, é melhor criar Camarão do que a Carpa, não acha?

Maneiras de começar a piscicultura no quintal

Maneiras de começar a piscicultura no quintal

Depois de fazer a pesquisa de mercado, definir o tamanho da área e escolher o melhor peixe para o cultivo.

Chegou a hora de conhecer algumas maneiras de começar a criação no seu quintal:
– Lagoa de Carpa;
– Tanque circular ou piscina no nível do solo;
– Tanque circular acima do nível do solo.

Escolha de acordo com o seu quintal. Se você já tiver uma piscina, que sorte a sua. Caso não tenha, terá que escolher entre uma das três opções acima.

A não ser que você queira muito cultivar Carpa, eu não recomendo a Lagoa, não no começo, pois o risco de escolher uma muito pequena ou muito grande é enorme e isso é ruim pois o investimento na construção dessa lagoa já é bem grande.

Como criar o ecossistema

Como criar o ecossistema?

O objetivo é deixar o local, o mais próximo possível de uma lagoa bem natural.

Vamos lá!

1. Coloque a água na área

A primeira coisa é colocar a água, né?

A única observação aqui é para não colocar cloro e nem nada para deixar a água limpa.

2. Coloque o peixe

Depois que colocar o peixe, no início, a alimentação deve ser “manual” já que o ecossistema ainda não oferece essa possibilidade.

E, quando os peixes morrerem (sim, isso vai acontecer uma vez ou outra), deixe-os lá, não tire-os, pois ajuda na formação do ecossistema.

3. Rações de qualidade

Quanto maior a qualidade de uma ração, menos problemas você tem com o próximo item, por isso, não exite em gastar um pouco mais, pois, no final, você estará economizando muito.

4. Fique atento as excreções

O uso de filtro é muito importante, pois as excreções diminuirão a qualidade da água e retardarão o crescimento dos peixes, fazendo até com que eles morram.

E, se você não quer isso, antes mesmo de ter um filtro de qualidade, precisa comprar rações de qualidade, ok?

Investimento inicial

Investimento inicial na piscicultura

Qual será o tamanho do investimento inicial?

A resposta, como sempre é, depende.

Depende do tipo de piscicultura, depende do tamanho do seu quintal, depende do material que você quer usar para a criação de peixes e depende dos fatores acima.

Mas, basicamente, você precisará de:
Tanque
Bomba de água
– Filtro (incluso na bomba de água)
– Ração de qualidade

Não dá para dizer o preço inicial, pois cada produto tem diversas variações e dependerá de qual você comprará.

Lembre-se!

Quem não estuda, acaba caindo na lábia de qualquer pessoa que entende um pouco, portanto, estude e tire todas as suas dúvidas pelos comentários e com um de nossos atendentes.

Para te ajudar, aqui estão mais alguns artigos:
http://www.aguaeconsumoblog.com.br/2017/03/29/piscicultura-como-criar-carpa-capim/
http://www.aguaeconsumoblog.com.br/2017/02/22/principais-doencas-na-aquicultura/
http://www.aguaeconsumoblog.com.br/2017/02/17/importancia-do-monitoramento-e-manejo-da-qualidade-de-agua-na-piscicultura/

Visite nosso site:

Fontes:
http://worldwideaquaculture.com/turn-your-backyard-into-a-profitable-fish-farming-business/
https://morningchores.com/fish-farming/
http://www.snatural.com.br/Aquicultura-Producao-Intensiva.html