Carregando, por favor aguarde
Cadastre-se e receba novidades
Assunto

Feirante

6 dicas de planejamento e controle financeiro para feirantes

planejamento e controle financeiro

Todo empreendimento deve ter um planejamento e controle financeiro eficiente para que um negócio seja bem-sucedido. No caso do feirante, isso tem que ser pensado de uma forma muito mais otimizada e simplificada, pois, na maioria das vezes, uma só pessoa é quem controla todos os passos do gerenciamento de uma barraca.

Desde a montagem da estrutura até a limpeza do local, passando pela organização dos produtos e o controle de entrada e saída de mercadoria, o feirante é o responsável por todas as decisões que interferem no sucesso ou no fracasso de seu negócio. Ele deve estar alinhado às principais estratégias gerenciais para ter total consciência de suas receitas e despesas.

Portanto, se você está em apuros para lidar com as finanças de seu empreendimento, fique atento às seis dicas deste post! Elas serão muito valiosas para que você saiba gerenciar as suas vendas da melhor forma possível.

1. Saiba organizar as finanças

Para ter o controle sobre as despesas de qualquer empreendimento, é preciso muito cuidado e atenção. No caso de uma barraca de feira, o nível de organização deve ser maior ainda. Sem o planejamento adequado, seu negócio pode se encaminhar para as dívidas, os problemas financeiros e até o fim da sua atividade profissional. É um caminho tortuoso, mas que será muito gratificante se houver dedicação total.

Habitue-se a lidar com os dados de contabilidade, identificando frequentemente o estado contábil e fiscal em que se encontra seu negócio. Tenha organizado em suas mãos tudo o que é relativo a despesas e receitas e trace um planejamento que envolva metas para curto, médio e longo prazos. Esse ponto é essencial para que você não seja pego de surpresa por situações financeiras que surgem sem dar aviso.

Além disso, mantenha um controle de fluxo de caixa constante. Essa é uma estratégia que serve para registrar toda e qualquer movimentação financeira de sua barraca com o passar do tempo. Com ela, você saberá exatamente o dinheiro que está entrando e aquele que está sendo gasto, podendo projetar como será a movimentação futura. Isso fará toda a diferença para o seu negócio.

É a partir daí que o empreendedor tem a possibilidade de identificar as potencialidades e os pontos fracos do seu caixa, podendo ter um diagnóstico sobre a saúde da empresa. Dessa forma, você conseguirá honrar os compromissos financeiros e buscar de um jeito mais organizado novas fontes de recursos, se for preciso.

2. Evite gastos desnecessários

Cortes de despesas que não contribuem em nada para o seu lucro fazem parte de um esforço contábil e gerencial que trará maior lucratividade. Analise os diversos gastos da sua barraca e confira se há algum retorno com eles.

Um produto sem saída pode ser facilmente substituído por outro que tenha uma procura maior pelos clientes. Se você contratou alguém para ajudar na feira e essa pessoa não é produtiva, talvez seja hora de trocá-la por outra que seja mais empenhada. Um espaço em uma feira com aluguel muito elevado ou um depósito que você paga uma taxa exorbitante podem ser um escoamento de capital direto para o ralo.

O impacto negativo de gastos desnecessários no orçamento é sentido principalmente na hora de fazer a contabilidade e perceber o rombo deixado nas finanças. Saber identificá-los periodicamente e eliminá-los é um passo primordial para o controle financeiro de excelência do seu negócio.

3. Elabore um planejamento de médio ou longo prazo

É fundamental manter um planejamento de médio e longo prazo para a sua barraca e fazer uma relação entre o seu negócio e o mercado. Isso ajuda bastante o feirante a pensar nos investimentos futuros que terá que fazer e no faturamento que eles gerarão, garantindo que o capital de giro fique em alta.

Comece traçando um ciclo operacional das atividades do seu empreendimento e determine o valor das despesas em cada etapa do processo, desde a aquisição dos produtos que você colocará à venda até a comercialização deles junto aos consumidores. Dessa forma, você poderá planejar as despesas conforme o potencial de retorno que elas terão.

4. Separe as despesas pessoais das profissionais

É mais comum do que se pensa encontrar pessoas que misturam as despesas pessoais com o controle financeiro do próprio empreendimento. Isso é um erro grave que pode levar o feirante à ruína.

Se você é um desses que não consegue separar as duas coisas, reveja suas ações. Os problemas que essa atitude errônea pode causar são muitos e, na maior parte dos casos, irreversíveis.

Para evitar que isso ocorra, tenha bastante cuidado com o controle das suas finanças e não hesite em ser rigoroso. Faça planilhas e projeções separadas. O importante é preservar a lucratividade e o crescimento de seu negócio, evitando interferências particulares. Elas podem assumir o controle e atrapalhar a evolução do seu empreendimento em longo prazo.

5. Faça uma análise periódica de resultados

Você, como principal comandante, deve estar sempre ligado ao que acontece ao seu redor. Uma ótima maneira de fazer isso é acompanhar mensalmente os registros financeiros da sua barraca, analisando as projeções futuras necessárias. Isso permitirá que você reduza os riscos e os imprevistos e possa honrar seus compromissos.

Qualquer empresa, não importa o tamanho, precisa definir objetivos e metas para que ela cresça. Porém, tome cuidado para que as suas metas sejam viáveis e atingíveis para o seu negócio. Estabeleça prazos que você saiba que vai cumprir e determine as responsabilidades e as tarefas de cada um dos funcionários, se assim houver.

6. Use tecnologias para o controle financeiro

Use a tecnologia a seu favor. Procure pelos softwares de gestão que existem na forma de aplicativos, plataformas e programas na internet. Muitos deles são gratuitos e trazem funções práticas para o seu dia a dia na feira, como monitoramento do fluxo de caixa, montagem de lista de clientes com acesso rápido, emissão de notas fiscais, entre outras.

Alguns exemplos são o NetPOS, o Meu Negócio, o VendaPRO e o Sistema Gestor Online. Todos esses aplicativos estão disponíveis gratuitamente para Android no Google Play. Eles são fáceis de utilizar e tem layout intuitivo. Assim, você terá o controle financeiro da sua barraca dentro do seu celular, disponível a qualquer hora do dia a um clique de distância.

Agora que você já sabe como fazer um bom planejamento e controle financeiro do seu negócio, aplique nossas dicas no seu dia a dia e tenha a certeza de que terá mais lucro e tempo de sobra para sua família ou suas atividades preferidas fora do trabalho.

Se você gostou deste post, siga-nos pelo nosso Instagram, Facebook ou Twitter e confira nossa página com vídeos muito úteis e reveladores no Youtube!

Powered by Rock Convert